PUC-Rio

Voltar

Nova Consulta

Jornal/Revista: Jornal do Brasil
Data de Publicação: 21/02/1990
Autor/Repórter: Márcia Cezimbra

QUASE TUDO NOVO A PARTIR DE MARÇO

A Rede Manchete decidiu largar na frente e vai lançar dia 19 de março, antes da Globo e do SBT, sua programação para 1990. Neste dia, às 22h30, estréia o primeiro novo programa, Os campeões, um esportivo liderado de São Paulo pelo apresentador Osmar Santos. A linha de shows inaugura na terça, dia 20, às 22h30, o teleteatro sobrenatural A fronteira do desconhecidos - uma série de casos verdade de espiritas, paranormais e todo o tipo de mistério e assombração, sob direção de Augusto Cesar Vannucci. A quarta-feira continua a mesma, com Cabaré do Barata, o humorístico de Agildo Ribeiro. A partir do dia 22, a quinta alterna jornalísticos (Debate em Manchete e Manchete urgente) com especiais musicais. Ficam para a sexta, em horário antecipado para as 22h30, as bem sucedidas reportagens mundo cão do programa Documento especial, atualmente às 23h30 de quarta-feira.

A produção mais sofisticada da linha de shows será aos sábados, às 22h30: Dançando conforme a música, um musical comandado por Mièle e Watusi. O grande programa, no entanto, virá por último - a novela Pantanal, dia 27, uma terça-feira, para evitar um choque direto com Tela quente, da Globo. Na segunda-feira, dia 26, o telespectador verá apenas os bastidores da estréia do dia seguinte. A novela de Benedito Ruy Barbosa chegou a ser estudada pela Globo, mas foi rejeitada. "Eles queriam construir um hotel para os atores e três helicópteros lá durante um ano. Nós hospedamos todo mundo numa fazenda e todo mês usamos apenas uma semana de avião monomotor", comenta Expedito Grossi. Ele já planeja um segundo horários de novelas (às 19h30) até o final do ano e pensa numa história moderna sobre Jesus Cristo para substituir Pantanal.

Voltar

Fonte: Banco de Dados TV-Pesquisa - Documento número: 11635