PUC-Rio

Voltar

Nova Consulta

Jornal/Revista: Jornal do Brasil
Data de Publicação: 16/04/1993
Autor/Repórter: Luiz Roberto Marinho

VENDA À CUT É ILEGAL

As autoridades já decidiram que não permitirão a compra da TV Manchete pela CUT. Na tarde de ontem, porém, o presidente da CUT, Jair MeneguelIi, se reuniu com o empresário Roberto Marinho para apresentar o projeto de criação da Fundação Manchete. "Seria uma TV humanista, nem política nem partidária, com preocupações pedagógicas. Não competiria com a Globo", disse Meneguelli. Ele calculou em US$ 100 milhões o valor necessário para começar o negócio e chegou até a citar o nome do sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, para presidir a fundação. Segundo Meneguelli, Marinho estaria disposto a colaborar com o projeto.

O governo considera impraticável a compra da Manchete pela CUT, porque a Constituição proíbe o controle de emissoras de tevê por partidos políticos e a CUT nada mais é do que o braço sindical do PT.

Em meio à crise, mais um nome de peso ameaça abandonar a nau sem rumo em que se transformou a emissora. Desta vez é a apresentadora Angélica.

Voltar

Fonte: Banco de Dados TV-Pesquisa - Documento número: 21279